quinta-feira, 2 de abril de 2009

Pra equilibrar o Blog =p

Esta aqui é pra contrapôr a poesia do João Cabral de Melo Neto, do post anterior =p

Dicionário de você


Nossa! Bem que em algum lugar

Podia ter

Um dicionário que me traduzisse

E explicasse tudo sobre você


Pra trazer o significado

De um certo olhar

Eu ainda não descobri

Mas eu chego lá!


Eu quero descobrir

Procurando entre linhas e linhas

Tentando achar a palavra certa

Pra te chamar de minha


Queria entender os seus gestos

Saber se isso é convite ou rejeição

Eu queria um dicionário pra isso

Eu queria uma explicação


Não sei o que você pensa

Mas eu queria saber

Queria encontrar tudo explicado

Em um dicionário de você


-Extraído da Obra "Confeitaria" de Tiago Veloso Neves. Todos os direitos reservados.


8 comentários:

Nathália Romualdo disse...

Caríssimo amigo blogueiro
quero desde já agradecer as saudações.
No entanto,devo dizer que na sua lista de "Favoritos,Parceiros e o Escambal" - na qual faço parte e estou muito agradecida - o nome do meu blog contêm um ligeiro lapso da sua parte.Não é "Gala e o Mundo",mas sim "Galão e o Mundo".O galão é uma bebida muito tradicional não só aqui,mas creio que no resto do mundo.No nosso querido Brasil,esta bebida é mais conhecida como o velho e bom café com leite - usado inclusive como nome de uma velha política dessa tão adorada hot land na qual você se encontra.

Já agora parabéns pelo poema.
Os dicionários personalizados deveriam ser manuais obrigatórios para a sobrevivência.
Saudações lusas
o/

Luísa. disse...

Não tem como, não importa quantas vezes eu leia, eu gosto desse poema e não me canso dele. ^^

Rabiscação disse...

Nathália, lapso corrigido =p
"Galão, e o mundo" já se ergue honrosamente esntre os parceiros, favoritos, e o escambal =p
huahaauhauah

Du Santana disse...

Um dicionário ou uma tecla SAP, para entendermos tudo sobre os outros. (será que não ia perder a graça?)

Tem um MEME p/ vc em meu blog, se vc participar desse tipo de brincadeira passa lá! ^^

Fernanda Adler disse...

por falta de genialidade da minha parte pra fazer um comentário melhor, apenas digo que apreciei muito o seu poema. genial.

Silvia Moreira disse...

Olá Tiago!! Poxa, você pode escrever no meu blog como você quiser! É um bolg bem carnavalesco, como você já deve ter visto. A princípio, era só um lugar pra juntar todos os meu textos, músicas, poemas, etc. favoritos. Daí este FDS dbaixou uma santo que me fez escrever um texto próprio.

Estou amaaaando seus poemas... o engraçado é que eu gosto de todas as linhas... e eu costumo ser tão implicante... hahahahaha....

Sucesso pra vc!!!

Silvia Moreira disse...

P.S: Nossa!! Agora que vi! Quando entrei no seu blog antes, eu havia lido RABISCÃO. Na minha cabeça gravou: Tiago, O RABISCÃO. Forever. Nem tente corrigir, me conheço.

:P

Fredson N. Aguiar disse...

Obrigado pela visita ao Rabo da Porca. Teu blog - acabei de adicioná-lo na lista de sites recomendados. Seja bem vindo, caro poeta!!

Fredson Aguiar